Figuras de linguagem: O Antropopatismo - Tifsa Brasil
  • Recentes

    9 de setembro de 2016

    Figuras de linguagem: O Antropopatismo

    A antropopatia é uma figura de linguagem que objetiva atribuir a Deus características humanas; elementos da natureza ou dos animais. Todavia quando nos transportamos para dentro das Sagradas Escrituras, para ver o uso da antropomorfia dentro dela percebemos que ela é mais usada para atribuir à Pessoa de Deus; emoções, paixões e desejos humanos ou dos animais.

    A grande vantagem da utilização desta figura de linguagem: no método da hermenêutica sagra é que ela ajuda de forma técnica, cientificamente ou espiritual ao exegeta e ao hermeneuta interpretar de forma absoluta ou parcial o que Deus quer falar pela aplicação deste tipo de figura de linguagem. Por meio dela podemos compreender melhor o sentimento de Deus, suas emoções, sua paixão ou misericórdia; quanto sua vontade, seus decretos, e planos do futuro do homem e do mundo.

    Quero citar pelo menos um exemplo bem conhecido da utilização deste tipo de linguagem por Jesus. Jesus para usar a figura de linguagem antropopatia, Ele deu de mão do nome da galinha, e de suas personalidades característicos peculiares físicos que apresenta no mundo animal. A utilização do nome e das personalidades da galinha por Jesus aos judeus tinha o objetivo de repassar uma mensagem de amor e proteção a todos eles, assim como a galinha apresenta seu amor aos seus ingratos e cabeças duras de seus pintinhos quando crescem, e já se acham independentes de sua mãe.
    A galinha é a fêmea do galo, e é um animal doméstico. Mais seu nome e suas características peculiares são usados tanto por Deus como pelo homem no antropocentrismo.

    (a). Quando Deus utiliza do nome galinha e suas características na figura de linguagem (antropopatia), Ele quer deixar ao homem uma lição de amor e compaixão, e mostrar seu desejo e sentimento de proteção. Ele quer dizer que suas mãos estão prontas pra ser estendida para socorrer, amparar, esconder, e trazer para junto de si, para entrar em comunhão com o homem desde que ele queira.

    (B). Já quando a figura de linguagem (antropopatia) é usada pelo homem, ela é usada no sentido informal ou pejorativo. E objetiva repassar uma mensagem como falta de sorte; infelicidade, fala-se de indivíduo (mulher ou homem), que se dá a contatos voluptuosos ou que age publicamente sem freio moral, ou fala-se de uma moça ou mulher que namora com vários homens ao mesmo tempo; ou varia facilmente de parceiro amoroso sexualmente. É usado também para apresentar um indivíduo volúvel nos gostos, nos interesses; e falta de compromisso, e que vive levando uma vida fútil. Ou que não apresenta falta de seriedade no que diz.

    Autor: Pbsena
    • Blogger Comments
    • Facebook Comments

    0 » Comentários:

    Postar um comentário

    Olá tudo bem? Encontrou o que procurava? Achou o Tifsa útil? Então compartilhe, curta, envie ou recomende aos amigos nossos artigos. O Tifsa não tem uma campanha de marketing multimilionária ou o patrocínio de celebridades, mas temos algo muito melhor: você.

    Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole as leis, ou que configure em crime cibernético e que vão de e termos de uso, por favor denuncie.

    Item Reviewed: Figuras de linguagem: O Antropopatismo Rating: 5 Reviewed By: Pbsena Sena

    Contato

    Scroll to Top